A “Brasilidade”, definida em perspectiva acionista, é o modo como os brasileiros funcionam. Componentes de ações, verbais e kinestéticas, com suas leis de interferência reciproca.

Este “modo de funcionamento” está codificado nas pegadas de individualizações, presentes em toda ação.

Simultaneamente, encontra-se nas marcas de suas individualizações no material aferente correspondente.

Assim, cada objeto, acontecimento ou conceito, traz codificado a historia desta “brasilidade”. São protocolos de sua formação.

Mais especificamente, mostra-se na configuração que apresenta-se característica e frequentemente, colada ao conceito da ação particular, indicado pelo verbo correspondente, no infinitivo.

Nesse sentido, a Teoria do Brasil (TB) é sistema que cataloga tais componentes, mapeia, descreve e explica as leis de suas relações, a partir de cada ação.

Mais além, identifica e extrai capacidades implicitamente atuantes. E, oferece meios para o aperfeiçoamento, ou transformação, da “brasilidade”.

Para que uma Teoria do Brasil?

Para derivar orientação prática e teórica, para melhor dar conta da realidade do dia a dia. Igualmente, no desenvolvimento e aplicação de ideias para o destino e sentido do país e seu povo, no cenário histórico mundial.

Quais são seus elementos integrantes?

A Teoria do Brasil é composta por sistema de formulas que descrevem as relações de componentes invariantes em todas as ações verbais e kinestéticas.

Mais além, sistema de configurações com componentes estatisticamente atuantes em nosso comportamento. Tais componentes são apresentados em sua estrutura interna, origem histórica etc.

Mais, além, a TB apresenta processo de extração de capacidades inerentes a atuação dos componentes, especificação da descrição de ações verbais e kinestéticas, agora com seus elementos invariantes específicos a brasilidade.

Finalmente, contem sistema para transformar a configuração de componentes em ações verbais e kinestéticas, utilizando as capacidades implicitamente desenvolvidas.

E, sistema para aplicação da Brasilidade na resolução de problemas.

____________________________
Edson de Melo
© Copyright 2014-2015 –
 Todos os direitos reservados
Anúncios