Um resumo:

Ao iniciarmos o projeto de desenvolver uma Teoria do Brasil, seu sucesso parecia bastante improvável. O objetivo era abstrato. As dificuldades pareciam insuperáveis.


Na Ciência é necessário produzir formulações do problema que permitam sua descrição e pesquisa. E desenvolver meios e ferramentas capazes de possibilitar a realização do objetivo proposto.

Assim, inicialmente, desenvolvemos a Epistemologia Pragmática Instrumentalista (EPI) para pesquisar, explicar e desenvolver ferramentas adequadas a este projeto.

Entre elas, encontra-se o Processo Aferente-Eferente, proposto pelo filosofo alemão Herbert Witzenmann.

cabeca.gifParte da premissa de que toda ação verbal-cognitiva, ou prática-poiética, pode ser descrita por este processo, em suas variadas fases.

Isto foi proposto em varias obras do autor, como, por exemplo, na “Strukturphänomelogie“ e “Sinn und Zeit“.

A pesquisa, desenvolvimento e aplicação do processo Aferente-Eferente, encontra-se em fase inicial, mas tem produzido muitos frutos.

Em vários de meus escritos, principalmente na EPI, tentei clarificar, resumir e preparar este sistema para aplicação.

Já no ano de 1983 fiz, provavelmente, as primeiras traduções de obras de Herbert Witzenmann para o Português.

Depois, ao mudar para a Alemanha, através de um amigo comum, estava projetado um trabalho conjunto. Infelizmente Herbert Witzenmann veio a falecer antes que os primeiros encontros fossem organizados.

Minha premissa básica, partindo do processo aferente-eferente, foi que muito raramente pode-se encontrar um tal processo destituído de pegadas de processos anteriores.

Desse modo, o material Eferente, os conceitos, ideias etc. que utilizamos nas ações básicas, invariavelmente apresentam pegadas de relações anteriores com material aferente, ou seja, as percepções, ou objetos, envolvidos nas ações.

Este aspecto foi discutido mais detalhadamente na EPI-I. Partindo desta estrutura básica, a descrição da Brasilidade consistiria em determinar, exatamente, padrões específicos destas pegadas, em material Aferente e Eferente.

barra.gifPor tratar-se de uma distorção na proposta pureza do processo Aferente-Eferente, vimos esta interferência como uma “Inicial Distorção“.

Posteriormente, formulamos como “Fator de Transformação“ (FT), como é utilizado no texto da Teoria do Brasil.

Todo o trabalho foi então examinar, testar, recolher material histórico, antropológico, filosófico e sociológico, para desenvolver um meio para identificar e emitir este Fator de Transformação.

Foram necessárias muitas fórmulas auxiliares que o leitor encontrará no texto.

Finalmente, chegamos a uma formulação sintética de uma teoria que pudesse ser testada, verificada e desenvolvida.

Resume-se na fórmula que descreve o FT. O processamento para solução desta equação, em função de ações ou acontecimentos observados, ou propostos, está descrito, detalhadamente no texto.

Trata-se da aplicação da concepção de Operador, como empregada na Matemática, mais particularmente na Mecânica Quântica, em dados históricos e filosóficos selecionados.

Ou, em casos mais simples, o processamento intuitivo, através do matching (correspondência) de características observadas em ações ou acontecimentos, com componentes recolhidos como invariavelmente constituintes de nossas ações.

Paralelamente, desenvolvemos um meio de processamento mais detalhado e sofisticado.

Trata-se da identificação da própria Evidência que apresentamos em cada ação, com a possibilidade de equivalência dos Quadros de Referência que cada um de nós utiliza nas ações, ou na vida cotidiana.

Este sistema, denominado “FIM DO CAOS“, possibilita a mais exata determinação do Fator de Transformação, desse modo da Brasilidade.

Encontra-se em fase de pesquisa avançada. E será acoplado a Teoria do Brasil, para torná-la mais exata e efetiva.

 – Edson de Melo – 

________________________________________
Visite também:
https://blogpai.wordpress.com/o-fim-do-caos/

Veja extrato da EPI, SCH, e Res Nuncius
________________________________________
“EPI-I” com elementos ´para Teoria do Brasil
https://blogpai.wordpress.com/extrato-epi/

________________________________________
Sistemática Criatividade Heurística (SCH)
processo artístico-científico para o pensar criativo, sistemático e progressivo
https://blogpai.wordpress.com/sch/

________________________________________
Res Nuncius (A Mensagem das Coisas)
Manual para o Pensamento Sistemático
https://blogpai.wordpress.com/res-nuncius/

_______________________________________
* TB – Teoria do Brasil (Edson de Melo)
© Copyright 2014-2016 –
 Todos os direitos reservado