Edson de Melo  –  resumo biográfico

Um olhar analítico sobre si

O Brasil tem sido visto e formulado como enigma. Algo complexo, indevassável.

Um monstro que nos enche de esperanças, decepções, grandes alegrias e tristezas.

No final da adolescência tais contrastes e disparidades, junto ao questionamento de suas origens, apareceram claramente diante de meus olhos. Expressavam-se como intensa e constante inquietação.

                                Perguntava-me:

Este país é realmente complexo ou simplesmente faltam-nos meios e ferramentas para explica-lo, sistematizar e articular produtiva e pacificamente suas potencialidades?

Decidi que realizaria um sistema capaz de responder esta questão.

Dedicaria minha vida a este projeto.

Este objetivo marcou e dirigiu minha biografia, em todas as suas perspectivas.

Assim, fui intenso curioso participante e observador do modo de viver dos brasileiros.

Minha biografia, do período no Brasil, é o comentário do processo de colher dados, experiências, vivenciar nossa sociedade diversificadamente.

O período posterior caracteriza-se pelo trabalho sistemático de decifrar, organizar e desenvolver as ferramentas que acho necessárias e adequadas.

Articular possibilidades para produzir maior autoconsciência, integração, e autoestima entre nos são consequências deste trabalho que caracterizam minha natureza.

Frankfurt, 6 de Junho de 2012

Edson de Melo

__________________________________________
veja também:

CD A Socialidade, Diversidade e Disponibilidade

Edson de melo - 1-EncartePeças para piano, do músico pernambucano Edson de Melo (radicado na Alemanha).

Inspiradas na pintura do holandês Jan Vermeer (1632-1675).

Apresentando, em forma de música, o conceito de Socialidade, Diversidade e Disponibilidade.

https://blogpai.wordpress.com/music/

CD – A Socialidade, Diversidade e Disponibilidade
(comentário)

Gosto de perceber o pensar estético-filosófico na música. Reconhecer os elementos teóricos expresso no ato compositor. Apliquei a técnica aqui.

Já na primeira audição percebi a beleza conceitual no desenvolvimento dos temas, o equilíbrio entre passagens, diálogos melódicos não cíclicos em nada lineares. Clara representação da concepção epistemológica deste “músico-pensador”.

O conceito do CD gera densidade e leveza, sentenças sem palavras, que borbulham sem centro pré-determinado, recriando-se como crônica musical de vida cognitiva.

Belíssimo trabalho!

A audição revelou também a riqueza de detalhes entre modelos estéticos similares à construção contínua, mas com quebra de padrões, complexidade criativa e domínio pragmático na execução do objeto, intento de construção co-participativa na relação composição-ouvinte.

Sua ótica dinâmica, multidimensional, atrelada a “tecnologia filosófica e de comunicação”, que criou simultaneamente a essa música, traduz a ênfase relativa como Edson de Melo percebe o mundo.

Desse modo ele responde a questões primordiais: o modo como funcionamos, e esse modo como funcionamos produz problemas ou solução?

Socialidade, Diversidade e Disponibilidade é a transcrição musical de parte de sua obra, pesquisa e pensamento sistemático para responder as questões.

Este CD conecta-se ao conjunto normativo habilmente disposto na Epistemologia Pragmática Instrumentalista (EPI-BR) e na genial Teoria do Brasil (TB).

Arthur BigHead

____________________
veja também:
A Sentinela (Sonata)  
Apresentação: CD A Socialidade, Diversidade e Disponibilidade

Socialidade  (A brasilidade como civilização futura)
____________________
venda online:
Passa Disco (Loja virtual)

Anúncios